Atendemos CONVÊNIOS POR REEMBOLSO para consultas, procedimentos e cirurgias, use seu plano de saúde, Fale Conosco!

TRATE A OBESIDADE

Fatores de Risco

A obesidade geralmente resulta de uma combinação de causas e fatores contribuintes:

  • Herança e influências familiares
  • Os genes que você herda de seus pais podem afetar a quantidade de gordura corporal armazenada e onde essa gordura é distribuída. A genética também pode ter um papel importante na eficiência com que seu corpo converte alimentos em energia, como regula seu apetite e como queima calorias durante o exercício.
  • A obesidade tende a ocorrer nas famílias. Isso não é apenas por causa dos genes que eles compartilham. Os membros da família também tendem a compartilhar hábitos alimentares e de atividade semelhantes.

Você Tem Síndrome Metabólica?

Segundo os critérios brasileiros, a Síndrome Metabólica ocorre quando estão presentes três dos cinco critérios abaixo:

  • Obesidade central - circunferência da cintura superior a 88 cm na mulher e 102 cm no homem;
  • Hipertensão Arterial - pressão arterial sistólica > 130 e/ou pressão arterial diastólica > 85 mmHg;
  • Glicemia alterada (glicemia >110 mg/dl) ou diagnóstico de Diabetes;
  • Triglicerídeos > 150 mg/dl;
  • HDL colesterol < 40 mg/dl em homens e <50 mg/dl em mulheres

Certas condições médicas também podem levar ao ganho de peso. Esses incluem:

  • Síndrome dos ovários policísticos : uma condição que causa um desequilíbrio dos hormônios reprodutivos femininos;
  • Síndrome de Prader-Willi: uma condição rara com a qual um indivíduo nasce e cresce com fome excessiva. Na infância, a criança fica constantemente com fome, o que muitas vezes leva à obesidade e diabetes tipo 2;
  • Síndrome de Cushing : uma condição causada por uma quantidade excessiva do hormônio cortisol em seu sistema;
  • Hipotireoidismo ( tireóide hipoativa ) : uma condição na qual a glândula tireóide não produz o suficiente de certos hormônios importantes;
  • Osteoartrite (e outras condições que causam dor que pode levar à inatividade);

Fatores psicológicos e outros

Às vezes, a depressão pode levar ao ganho de peso, à medida que as pessoas recorrem à comida para conforto emocional. Certos antidepressivos também podem aumentar o risco de ganho de peso.

É bom parar de fumar, mas também pode levar ao ganho de peso. Por esse motivo, é importante se concentrar na dieta e no exercício enquanto você está desistindo.

Medicamentos como esteroides ou pílulas anticoncepcionais também podem aumentar o risco de ganho de peso.

Consumir muitas calorias

Quando uma pessoa consome mais calorias do que consome como energia, seu corpo armazena as calorias extras em gordura. Isso pode levar ao excesso de peso e obesidade.

Além disso, alguns tipos de alimentos têm maior probabilidade de levar ao ganho de peso, especialmente aqueles que são ricos em gorduras e açúcares.

Os alimentos que tendem a aumentar o risco de ganho de peso incluem:

  • comidas rápidas;
  • frituras, como batatas fritas;
  • carnes gordas e processadas;
  • muitos produtos lácteos;
  • alimentos com adição de açúcar, como assados, cereais prontos para o café da manhã e biscoitos;
  • alimentos que contêm açúcares ocultos, como ketchup e muitos outros alimentos enlatados e embalados;
  • sucos adoçados, refrigerantes e bebidas alcoólicas;
  • alimentos processados e ricos em carboidratos, como pão e bagels;

Menos obesidade, mais saúde

A CEMAGRA oferece os melhores tratamentos personalizados para emagrecimento!

Levando um estilo de vida sedentário

Muitas pessoas levam um estilo de vida muito mais sedentário do que seus pais e avós.

Exemplos de hábitos sedentários incluem:

  • trabalhando em um escritório, em vez de fazer trabalho manual;
  • jogando jogos no computador em vez de fazer atividades físicas fora;
  • ir a lugares de carro em vez de caminhar ou andar de bicicleta Quanto menos uma pessoa se move, menos calorias elas queimam;

Opções de estilo de vida

Dieta não saudável

Uma dieta rica em calorias, sem frutas e vegetais, cheia de fast-food e carregada de bebidas altamente calóricas e porções grandes contribui para o ganho de peso.

Calorias líquidas

As pessoas podem beber muitas calorias sem se sentirem cheias, especialmente calorias do álcool. Outras bebidas altamente calóricas, como refrigerantes com açúcar, podem contribuir para um ganho de peso significativo.

Inatividade

Se você tem um estilo de vida sedentário, pode facilmente consumir mais calorias todos os dias do que queima através de exercícios e atividades diárias. Olhar para telas de computadores, tablets e telefones é uma atividade sedentária. O número de horas que você passa na frente de uma tela está altamente associado ao ganho de peso.

Emagreça já

Tudo sobre obesidade

O que é obesidade?


obesidade é uma condição médica que ocorre quando uma pessoa carrega excesso de peso ou gordura corporal que pode afetar sua saúde.

Causas da Obesidade


Embora haja influências genéticas, comportamentais, metabólicas e hormonais no peso corporal, a obesidade ocorre quando você ingere mais calorias do que queima.

Diagnóstico e Tratamento


Para diagnosticar a obesidade, seu médico normalmente realiza um exame físico e recomenda alguns testes.

Onde Estamos?

ALAMEDA DOS MARACATINS,1435
7º ANDAR CJ.706, 04089-015
MOEMA. SÃO PAULO/SP

Telefones

(11) 3428-8606
(11) 94914-6410
  • Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • SEG. Á SEX. DAS 09:00h ÀS 17:00h
  • Todos os direitos reservados 2019 @ CEMAGRA.